Sábado, 29 de Agosto de 2009

Padim cheia de Graça

Encontrei este artigo sobre a Graça no blog 'debaixo d'arcada' e como se refere à nossa terra fica aqui registado, pois sabe sempre bem ler algo sobre a freguesia noutros locais. Aqui fica o artigo:

 

Padim (cheia) de Graça mostra-se a D. António Couto

O Bispo Auxiliar de Braga, D. António Couto, confirma na Fé, hoje, às 10,30 horas, 18 jovens na Eucaristia solene que culmina a visita pastoral à comunidade paroquial de Padim da Graça iniciada na passada sexta-feira com a Unção dos doentes e uma assembleia Paroquial. O padre José Figueiredo de Sousa apresenta ao prelado uma comunidade cheia de vida sob a protecção da Senhora da Graça.

A presença de D. António Couto iniciou-se na sexta-feira, ao fim da tarde, com a Missa para os doentes e idosos e administração da santa Unção, seguindo-se um encontro com os crismandos.

A noite de sexta-feira foi animada pela realização de uma Assembleia paroquial com todos os movimentos de apostolado e outros fiéis interessados na vida pastoral.

Ao longo destes dias, o bispo auxiliar pode conhecer uma comunidade instalada na margem esquerda do rio Cávado, dotada de uma forte componente associativa nos mais diversos domínios, desde o desporto á cultural e solidariedade, que se traduz numa forte dinâmica pastoral, alicerçada na catequese, num grupo de Jovens "Nova Luz" e num agrupamento de Escuteiros, animada por três grupos corais.

O património religioso está em bom estado de conservação, tendo a Igreja paroquial recebido um telhado novo há pouco tempo, para além de ver o seu interior renovado cm o restauro de toda a sua talha. O outro pólo de culto, a Capela de Nossa senhora da Graça pode vir a precisar de uma substituição do telhado e renovação da instalação eléctrica, mas não são necessidades urgentes.

Quanto a espaços para a actividade pastoral, a residência paroquial — sem perder a capacidade para acolher um padre ali residente — viu alguns dos seus espaços reaproveitados para salas de catequese e para sede dos Escuteiros, bem como uma sala para assembleias maiores.




Também o adro foi recentemente qualificado, numa intervenção da Junta de Freguesia com apoio da Câmara Municipal de Braga que dotou a "sala de visitas" de Padim da Graça de um espaço alindado e com parque de estacionamento.

A capela mortuária, além de ser pequena, é pouco agradável para um velório uma vez que é demasiado quente no Verão e muito fria no Inverno. O projecto de requalificação do adro incluía uma nova capela mortuária e é bem possível que este investimento seja concretizado a curto prazo.

A comunidade tem as suas festas maiores à Senhora da Graça, um cartaz da religiosidade desta paróquia, e ao padroeiro S. Adrião, heranças de uma comunidade agrícola que hoje vive em grande parte com trabalho nos serviços e nas indústrias que enchem o seu parque industrial.
Nos seus campos ainda se encontram vestígios da presença do trabalho da comunidade beneditina de Tibães, entre eles o aqueduto construído em granito para aproveitamento das águas do rio Cávado para a irrigação dos campos.




Ainda a conhecer os "cantos à casa", uma vez que assumiu o serviço a esta comunidade em Outubro passado, o padre José Figueiredo de Sousa sabe que a ruralidade da sua comunidade se esbateu e preocupa-se com a crise económica que já atingiu algumas empresas instaladas no parque industrital, não escondendo os seus "receios quanto ao futuro" dos seus 1700 habitantes.

Isso não o impede de falar com entusiasmo sobre esta comunidade paroquial que o padre Costa Araújo (e antes o grande musicólogo Mendes de Carvalho) lhe deixou, com os dois centros de culto na capela da Senhora da Graça e na Igreja paroquial, onde é celebrada Missa aos domingos, 9,45 e 8,30 horas, respectivamente.

No que se refere às forças vivas, o padre José Figueiredo Sousa destaca a Confraria de Nossa senhora da Graça, com cerca de quatro mil irmãos, sedeada na capela com o mesmo nome e cuja administração e conservação lhe pertence. Destaca também a Associação da Senhora da cabeça, em fase de renovação, a qual alude a uma tradição bem bonita de Padim da Graça e de outros freguesias que organizavam uma procissão, rotativamente, até ao Monte de S. Filipe, em cuja capela está a imagem da Senhora da Cabeça.

Outra força da pastoral reside no Movimento de Renovação carismática que reúne todas as quartas- feiras com a participação de duas dezenas de pessoas.

Além destas duas associações de fiéis existem duas dinâmicas Comissões de Festas, uma para a Senhora da Graça, que se realiza no Domingo de Pascoela e se assume como a maior festa do vale do Cávado, ao longo de três dias, com uma fortíssima componente religiosa. A procissão de velas e os actos religiosos (com particular singularidade para a batalha das flores com que se assinala a despedida da Senhora) continuam a registar uma surpreendente participação das pessoas de Padim da graça e de freguesias vizinhas.

A outra Comissão de Festas encarrega-se do programa e angariação de verbas necessárias para a festa do Padroeiro, S. Adrião, no fim-de-semana a seguir ao dia 8 de Setembro, mas existem outros grupos organizados como a Conferência Vicentina, com um núcleo de uma dezena de pessoas cujo momento alto é a distribuição de cabazes de Natal e o acompanhamento e recolha de informação sobre situações de maior pobreza e o seu encaminhamento para outras instituições, como a Caritas ou o Banco Alimentar contra a Fome.

Outro momento grande da vida da comunidade é o Lausperene, no próximo fim-de-semana, com adoração nocturna do santíssimo Sacramento, a iniciar sábado com a Eucaristia às 20,30 horas e o encerramento às 19 horas de Domingo, com uma procissão do Santíssimo sacramento até ao Cruzeiro.

A primeira comunhão acontece na Festa do Corpo de Deus enquanto a festa da Comunhão Solene ocorre na primeira semana de Julho.




Todas esta dinâmica pastoral começa cedo, com a catequese que é frequentada por mais de 160 crianças, orientadas por 17 catequistas, com o curso elementar ministrado na Zona Pastoral, sendo a maioria delas gente nova.

A catequese é ministrada aos sábados, em diferentes horas, de modo a permitir o aproveitamento pleno das salas disponíveis na residência paroquial, em que metade do espaço foi renovado para acolher actividades pastorais, desde a catequese à sede do grupo de Escuteiros e uma sala para reuniões maiores, como é o caso da antiga adega onde ensaia o grupo coral da paróquia (adultos).
As salas são boas e com espaços razoáveis.

Depois da catequese, os jovens continuam a sua formação religiosa no Grupo de Jovens "Nova Luz" inserido no movimento dos "Jovens em Caminhada", com o seu plano de actividades que inclui caminhadas, reuniões de reflexão e outras actividades como festivais, animação de festas para os idosos, etc. "É um grupo que está muito bem organizado" — reconhece o padre José Figueiredo Sousa, apontando ainda a participação deste grupo na animação musical das Eucaristias da paróquia, duas vezes por mês.

Pilar forte da educação juvenil de Padim da Graça é o seu Agrupamento de Escuteiros, com 70 elementos, com destaque para as secções de Lobitos (vinte elementos) e Exploradores (32 jovens). Fundado em 1974, a sua sede é no edifício destinado a residência paroquial que acolhe grande parte das actividades pastorais da paróquia.



No capítulo das celebrações litúrgicas, estas contam com a animação musical de três grupos corais, um infantil, outro juvenil e o coro Paroquial, o maior com cerca de quarenta vozes que animam as eucaristias no primeiro e terceiro domingos de cada mês na Igreja paroquial. Com ensaios aos sábados, à noite, o grupo possui tradições musicais que lhe vêm do tempo em que o pároco era o padre Mendes de Carvalho.

O coro infantil é um prolongamento da catequese, com os seus quinze elementos, que anima as eucaristias da Igreja (quarto domingo) e da Capela da Senhora da Graça (3.º domingo).

Por sua vez, o coro juvenil, nascido a partir do Grupo de Jovens Nova Luz anima, com a sua dezena de vozes e instrumentos a Missa dos segundos domingos de cada mês na Igreja paroquial.
publicado por Filipe Costa às 12:10
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.arquivos

. Julho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Abril 2012

. Junho 2011

. Maio 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.posts recentes

. As contas (des)aprovadas ...

. Festa de Nª. Sra. da Graç...

. O famoso Grilo.

. Liberdade de expressão.

. Festa da Sra. da Graça 20...

. Padim da Graça em chamas

. Graça é festa

. Festa da Sra da Graça Onl...

. 'Auto do baile dos Reis'

. A Graça é linda

.links

.frases célebres

.TEMPO

.contador

Servicio de tráfico web
blogs SAPO

.as minhas fotos